20 de fev de 2010

triste cena.

Não haverá pedras
E flores nos jardins
O vermelho que verás
É o sangue de inocentes
Que será derramado
Nas ruas e vielas.

Depois uma rosa
será levada ao corpo
que jaz sob as lágrimas.

2 comentários:

Priscila Rôde disse...

Muito triste!

poeta do inverno. disse...

pior é saber que esta cena continua a se repetir em lugares que a violência é muito grande.